3 dias em Barcelona.

Antes de chegarmos em Barcelona o Danilo me disse: você vai adorar essa cidade… Sim, ele estava certo!
Sol, praia, pessoas descontraídas, muita coisa pra fazer, visitar e vontade de voltar antes mesmo de partir!
Começamos o domingo em La Rambla (ou Las Ramblas), local onde tem o famoso mercado La Boquería, muitas lojas para “regalos” e é também ao lado do Bairro Gótico.

La Rambla
La Rambla

Primeiro fizemos o sentido ao monumento de São Cristóvão, com uma parada pra navegar pelas águas do mediterrâneo com um tour que dura cerca de 40 minutos (custa em média 7 euros).

Monumento São Cristóvão visto do barco
Monumento São Cristóvão visto do barco
Passeio de barco pelo mar Mediterrâneo
Passeio de barco pelo mar Mediterrâneo

A temperatura agradável e o sol brilhando (coisa rara desde que chegamos na Europa, em novembro), não nos fez pensar duas vezes e logo fizemos nova pausa, dessa vez regada a vinho branco e tapas.
Optamos pela Plaça del Rei, onde víamos o movimento das ruelas e o ritmo dos cantores itinerantes que ali se instalavam por uns minutos.

Bairro gótico
Bairro gótico
Plaça del Rei
Plaça del Rei

A melhor notícia da viagem foi poder reencontrar meu irmão que veio com os amigos para um tour pela Europa, marcando Barcelona como ponto de encontro.

Plaça Reial
Plaça Reial

Nos perder pelo bairro Gótico foi uma das coisas que mais gostamos, onde descobrimos a Catedral de Barcelona, a plaça Reial – onde foi filmado “Albergue Espanhol”, a Igreja de Santa Maria Del Pi e – Nuestra Señora del Mar, que são a mesma coisa e eu não sabia!

Catedral de Barcelona
Catedral de Barcelona
Catedral de Barcelona - parte interna
Catedral de Barcelona – parte interna

O acesso ao metrô é muito fácil e foi com ele que seguimos para a Sagrada Família (em eterna construção).

Sagrada Família
Sagrada Família

Esquecemos de comprar o bilhete com antecedência (http://www.sagradafamilia.org/en/tickets/) e enfrentamos uma fila de uns 30 minutos.
O valor é 18 euros e o acesso é somente à igreja, sem poder subir em suas torres, o que me deixou um pouco decepcionada. Pelo preço acho que um combo (tipo interior e torres) estaria mais honesto, mas voilà!

Sagrada Família
Sagrada Família
Sagrada Família - Parte interna
Sagrada Família – Parte interna

À noite foi a vez de mais bocadillos e cervezas! Parada no bar/restaurante Hard Rock e pub Obama, que é suuuper e ainda tem música ao vivo!

Pub Obama
Pub Obama

A semana começou com céu azul e partimos para o parque Guëll, dia de muita caminhada para desvendar Barcelona de Gaudí.
Chegando de metrô, as escadarias te exigem certo fôlego – sorte que há escadas rolantes em boa parte do caminho, evitando a fadiga nossa de cada dia.
Esse parque, que antes era gratuito, passou a cobrar o acesso a algumas áreas. Nesse site tem todas as informações e tickets: http://www.parkguell.es/en/portada
Mais uma vez não compramos antecipadamente e tivemos que nos contentar em bater muita perna pelos arredores, descobrindo a natureza e a arquitetura incrível do lugar.

Parque Guëll
Parque Guëll
Parque Guëll
Parque Guëll
Parque Guëll - Música boa (e gratuita)!
Parque Guëll – Música boa (e gratuita)!
Parque Guëll (parte paga)
Parque Guëll (parte paga)
Parque Guëll Parque Guëll

E por falar em Gaudí, o Voilà, Brasil foi circular por Passeig de Gràcia, fazendo parada na Casa Batló – que foi inteiramente projetada pelo arquiteto.
Demos aquela balançada quando descobrimos a facada, digo, o preço, (24 euros), mas passado esse devaneio, já estávamos na fila escolhendo o idioma do nosso áudio (incluso no preço e existe a opção português de Portugal).

Casa Batló
Casa Batló

Arrependimento zero, o lugar é mágico! A casa Batló me lembrou um barco, as paredes internas o fundo do mar, o canto dos cômodos todos arredondados, a madeira aconchegante, uma lareira no formato de cogumelo, o terraço, enfim, tudo foi uma descoberta, vale o investimento!

Casa Batló
Casa Batló

Pós passeio cultural nos acabamos em um self servisse na mesma rua. Daqueles que você paga um valor fixo (12 euros), escolhe uma bebida e come até rolar!
E pra fazer a digestão e ver o pôr do sol, nosso destino foi a praia de Barceloneta.
Por uns instantes parece que mudamos de cidade. Muita gente na orla fazendo esportes, outros na areia comendo e bebendo… Nós juntamos a turma, escolhemos um bar e por ali ficamos até o frio nos mandar de volta pro hotel.

Barceloneta
Barceloneta

Para o nosso terceiro e último dia na cidade, decidimos visitar Montjuïc, onde ocorreram as Olimpíadas de 1992. O meio mais fácil de chegar é: metrô (dependendo da sua localização) + funicular (não precisa pagar quem tem o bilhete do metrô) + teleférico (12 euros pra subir e descer).

Teleférico pra Montjuïc
Teleférico pra Montjuïc

O castell de Montjuïc também vale a entrada… São 5 euros e você tem visão para Barcelona em 360 graus, além de conhecer um pouco mais da história catalã.

Castell de Montjuïc
Castell de Montjuïc
Castell de Montjuïc
Castell de Montjuïc

Castell
Castell de Montjuic
Castell de Montjuic
Gostamos tanto do bairro gótico, que foi pra lá que voltamos, paramos pra almoçar, tirar fotos e nos despedir do meu irmão e amigos (essa é a parte triste).
Hasta luego
Antes de pegar o voo teve uma rápida passada ao lado do Centro Comercial Arenas de Barcelona.
E como escrito lá no começo desse post…. A cidade é linda, agradável, não vejo a hora de voltar!
Hasta luego!

2 comentários em “3 dias em Barcelona.

  • 1 de julho de 2016 em 17:04
    Permalink

    Passear por Barcelona , terra de Gaudi , emblemático e talentoso arquiteto espanhol , seguindo as dicas do ” Voilà , Brasil ” , torna tudo mais prático e prazeroso ! Os lugares visitados são lindos , as dicas das compras antecipadas dos ingressos p/ visitas exclusivas , a aquisição dos tíquetes do metrô, são preciosas p/ um melhor proveito do tempo ! As Igrejas , Parques Públicos , edificações históricas , points badalados valem como indicaçőes imperdíveis ! Parabéns , Maria e Danilo !

    Resposta
    • 1 de julho de 2016 em 17:20
      Permalink

      Sua visita e comentários sempre enriquecem nossas postagens! Obrigada, madrinha! Beijos!

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *