Meia Maratona de Paris

Quando recebemos a notícia que nos mudaríamos para a França, logo começamos a buscar provas de corridas na região.

Encontramos a meia maratona de Paris 2016 (Semi-Marathon), que ocorreria em 06 de março de 2016 e nos inscrevemos através do site: http://www.fitbitsemideparis.com/fr

Feito isso, antes mesmo de escolher nossa futura moradia, já estávamos garantidos nos 21k!

Semi-Marathon de Paris

 

 

 

 

Como deixamos o Brasil no começo de novembro, chegamos em Fontainebleau no final do outono, quando as temperaturas não ultrapassavam os 10 graus.

Depois veio o inverno, as festas de final de ano, as viagens e nossa rotina de treinos até a data da prova só foi caindo. Sabíamos que ia vir “sofrência” pela frente, como dizem na Bahia!

Os kits (dossards, em francês) podiam ser retirados a partir do dia 04/03, no Parc Floral de Vincennes (metrô linha 1 – Château de Vincennes), com a obrigatoriedade de levar um atestado médico.

A largada estava marcada para o domingo, no mesmo local, a partir das 09h00, pois era dividida por grupos.

Para evitarmos imprevistos, pegamos o trem pra Paris MUITO CEDO (o dia parece noite na foto) e chegamos no parque antes das 07h30. Os termômetros marcam 3 graus, com sensação térmica de 1. Mal comecei a caminhar e não sentia meus pés.

Meia Maratona de Paris (1)

Achamos um café dentro do parque e lá ficamos uns bons minutos até nos aquecermos um pouco e partirmos para a fase do desespero, que era nos livrarmos do nosso kit sobrevivência ao frio (luvas, cachecol, blusas) e depositá-los no guarda-volumes.

A partir daí até o horário da largada (pelo menos 1 hora), desperdiçamos bastante energia tentando nos manter aquecidos.

Uma prática comum aqui, é que as pessoas vestem blusas velhas (ou nem tanto) e as descartam minutos antes da corrida. Existem vários cestos próprios para o depósito dos agasalhos, que vão para doação.

Aguardando a nossa vez de largar.

Bom, depois disso tudo, só nos restava correr! O percurso é muito animado, plano em sua maioria, cheio de bandas espalhadas pelas belas ruas de Paris, com 3 pontos de hidratação.

Foram mais de 37 mil inscritos, então, o tempo todo você corria perto de outros atletas – mas sem tumultos.

Ao completar a prova, além da medalha, todos ganhavam uma capa para se proteger do frio (indispensável). Na mesa de alimentos e bebidas tinha até um café quentinho nos esperando, além de frutas, Coca-Cola, bolo.

Passamos longe do nosso melhor tempo em meias maratonas – o que era esperado! O Dan terminou em 01:52:10 e eu em 01:57:54.

E se nos conheço bem, ano que vem tem mais!

Bisous!

Término de prova Má

Término de prova Dan

Um comentário em “Meia Maratona de Paris

  • 2 de maio de 2016 em 10:23
    Permalink

    Fora o frio congelante largada e pós prova, adoramos! Bela descrição, bravo! Ano que vem tem mais! bisous.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *